Dúvidas Frequentes

Ginecomastia

O QUE É GINECOMASTIA?
A ginecomastia consiste no aumento da glândula mamária masculina, sendo que este aumento pode ser devido a um aumento real da glândula ou ao aumento da gordura que existe na região mamária (chamado de pseudoginecomastia).

QUAL A CAUSA DA GINECOMASTIA?
Existem várias causas. A mais comum de todas é o aumento natural da glândula em virtude dos hormônios da puberdade sendo que também pode ser causa por uso de anabolizantes ou outros medicamentos.

TODA GINECOMASTIA DEVE SER OPERADA?
Não. Alguns casos têm resolução espontânea sem a necessidade de se realizar um procedimento cirúrgico.

A PARTIR DE QUE IDADE DEVE SE OPERAR?
Geralmente a ginecomastia é resolvida através da cirurgia após os 14 anos, contudo a casos de exceção em que a cirurgia é realizada mais cedo.

A GINECOMASTIA ESTÁ ASSOCIADA AO CÂNCER DE MAMA?
Raramente ela esta associada ao câncer de mama masculino, sendo este o motivo principal pelo qual a retirada da glândula sempre é enviada para a análise.

COMO SABER SE DEVO OU NÃO OPERAR?
Os critérios utilizados para decidir se o tratamento deve ser feito através de cirurgia ou não são múltiplos. Envolvem peso do paciente, idade, tamanho da glândula, presença de gordura associada, sendo o mais importante os transtornos sociais que a ginecomastia induz aos homens.

COMO É A CIRURGIA DE GINECOMASTIA?
A cirurgia varia conforme a complexidade do caso, em alguns casos apenas a lipoaspiração da gordura já apresenta um bom resultado, porém alguns pacientes necessitam além da retirada da gordura, a retirada associada da glândula mamária.

ONDE SE LOCALIZA OS CORTES PARA O TRATAMENTO DA GINECOMASTIA?
As incisões são realizadas com o intuito de não serem vistas, mas é necessário que sejam realizadas para facilitar a retirada da glândula, no caso, a grande maioria das incisões se localiza ao redor da aréola.

A CIRURGIA É MUITO DOLOROSA?
Não. Hoje já se dispõem de analgésicos capazes de aliviar o desconforto causado pela cirurgia, contudo é normal que a área operada apresente inchaços e manchas rochas durante o período de cicatrização.

QUAL O TIPO DE ANESTESIA UTILIZADA?
Anestesia geral, peridural ou local, dependendo de cada paciente.

QUAL A DURAÇÃO DA CIRURGIA?
Nos casos mais simples o tempo cirúrgico é de aproximadamente uma hora, podendo chegar até duas horas nos casos mais complexos. Entretanto, o tempo de ato cirúrgico não deve ser confundido com o tempo de permanência do paciente no ambiente de Centro Cirúrgico, pois, esta permanência envolve também o período de preparação anestésica e recuperação pós-operatória. Seu médico poderá lhe informar quanto ao tempo total.

QUAL O TIPO DE CURATIVO?
Após a cirurgia é necessário a utilização de uma cinta cirúrgica que permanecerá por aproximadamente 30 dias.

QUAL O PERÍODO DE INTERNACÃO?
Dependendo da extensão da área operada e do tipo de anestesia, o período de internação poderá variar de 4 até 12 horas.

QUANDO SÃO RETIRADOS OS PONTOS?
Não há necessidade de retirar os pontos, já que todos os fios utilizados são reabsorvidos pelo organismo.

QUAIS OS CUIDADOS DEVEM SER TOMADOS NO PERÍODO PRÉ-OPERATÓRIO?

  • Comunicar-se com seu cirurgião plástico até dois dias antes da cirurgia, em caso de gripe, período menstrual, indisposição, etc
  • Internar-se no hospital indicado na guia, obedecendo ao horário de internação;
  • Evitar bebidas alcoólicas ou refeições muito lautas, na véspera da cirurgia;
  • Evitar todo e qualquer medicamento para emagrecer, que eventualmente esteja fazendo uso, por um período de dez dias antes do ato cirúrgico. Isto inclui também os diuréticos;
  • Programar suas atividades sociais, domésticas ou escolares, de modo a não se tornar indispensável a terceiros, por um período de aproximadamente quatro a cinco dias.
QUAIS OS CUIDADOS DEVEM SER TOMADOS NO PÓS-OPERATÓRIO?
  • Evitar esforços por oito dias;
  • Levantar-se tantas vezes quanto lhe for recomendado por ocasião da alta hospitalar, obedecendo aos períodos de permanência sentado, assim como evitar ao máximo esforços máximos;
  • Não se exponha ao sol ou friagem, por um período mínimo de uma semana;
  • Obedecer à prescrição médica;
  • Voltar ao consultório para os curativos subseqüentes, nos dias e horários estipulados;
  • Provavelmente você estará se sentindo tão bem, a ponto de se esquecer que foi operada recentemente. Cuidado! A euforia poderá levá-la a um esforço inoportuno, o que determinará certos transtornos;
  • Vale ressaltar que entre o terceiro e quinto dia pós-operatório, poderá haver uma discreta depressão emocional ou mesmo física. Isto é previsto e explicável pela recuperação do seu organismo, em prol da sua fisiologia corporal;
  • Não se preocupe com as formas intermediárias nas diversas fases. Tire com o seu cirurgião plástico, e somente com ele, quaisquer dúvidas que possam advir;
  • Alimentação normal (salvo em casos especiais). Recomendamos alimentação hiperprotéica (carnes, ovos, leite) assim como a ingestão de frutas;
  • Aguarde para fazer sua dieta ou regime de emagrecimento, após a liberação médica. A antecipação desta conduta por conta própria, poderá determinar conseqüências difíceis a serem sanadas.
 
Rio de Janeiro - RJ
Shopping Nova América
Av. Pastor Martin Luter King Jr, 126 - Office Torre 1000 - Sala 120 - Del Castilho
Telefone: (21) 96493-5440 / (21) 3627-1576
Cabo Frio - RJ
Avenida Julia Kubitschek, 16 - Sala 213 - Premier Center - Parque Riviera
Telefone: (22) 2648-1615 / (22) 99772-9001
Rio das Ostras - RJ
Clínica Mais - R. Mayer, 368 - Centro
Telefone: (22) 2648-1615 / (22) 99772-9001
Desenvolvimento Digital Net